Olá amigos!

Há muito tempo que faço muitas coisas ao mesmo tempo. Atendimentos, doutorado, cursos, sites e a lista continua. E há muito tempo que venho buscando formas de fazer mais fazendo menos. No último texto, abordamos este tema e neste texto quero dar uma dica super simples que vai fazer você melhorar em muito sua produtividade.

Durantes os últimos três meses, os trabalhos foram se multiplicando até um ponto que a solução encontrada pelo meu corpo foi ficar doente. Fiquei doente e me recuperei. Voltei a fazer tudo de novo e a consequência não foi outra: fiquei doente outra vez. Foi aí que conheci a Síndrome de Bornout, que, em resumo, quer dizer trabalhar, trabalhar, trabalhar até o esgotamento.

E em minhas buscas por uma forma de encontrar uma saída para este ciclo vicioso – e também ajudar meus pacientes que tem a tendência de trabalhar demasiadamente como eu – pesquisei muito. E o que aprendi vou compartilhar com vocês, gratuitamente, nos próximos textos e neste. Em verdade, já começamos há um tempo a falar deste tema da produtividade.

Caso você tenha perdido, veja estes textos:

Como atingir seus objetivos profissionais

Produtividade: menos pensar mais fazer

A dica de hoje é simples, mas pode fazer com que seus resultados – em termos de produtividade – aumentam mais de 10 vezes em um período muito curto. Por exemplo, se você começar a usar esta dica hoje mesmo, hoje mesmo você já começará a se beneficiar e a aumentar sua capacidade produtiva.

O que estou fazendo é importante?

A dica é fazer esta pergunta a cada hora, ou melhor ainda, a cada dez minutos: “O que estou fazendo é importante?”. Com esta simples observação, poderemos – acredite – começar a deixar de lado coisas desimportantes e, neste processo, abrir caminho para o que realmente importa.

Por exemplo, no doutorado tenho que ler centenas de livros. Muitos destes acabam sendo fundamentais para a pesquisa. Para quem não sabe, no doutorado nós temos que escrever uma tese. A tese é um trabalho semelhante a um TCC (Trabalho de Conclusão de Curso) só que mais complexo, maior e com maior exigência. Enfim, a tese começa com um projeto de pesquisa, no qual temos objetivos que são basicamente conseguir encontrar respostas para algumas perguntas.

Para tanto, temos que ler muito (penso especialmente nas ciências humanas). Neste processo de leitura frenética, podemos, portanto, ler centenas de livros em um período mínimo. Destas leituras, recomenda-se que se faça fichamentos, resumos, resenhas. Com o tempo, fui notando que muitas destas atividades não eram importantes e só tinham importância para tomar o meu tempo.

O objetivo de fazer esta pergunta simples: “O que estou fazendo é importante – no caso – para o meu doutorado”? é encontrar o que realmente tem importância. Passei a dar valor ao meu tempo e a começar a fazer o que apenas o que era relevante. Ao invés de fichar um texto recente que não usarei na tese, ao invés de ler um livro interessante (mas que também não vou usar), ao invés de procurar novos artigos científicos (também inúteis), vou direto ao ponto. O que posso fazer hoje no doutorado que é realmente importante? E o que eu posso fazer agora?

Resultado desta simples autoavaliação no primeiro dia utilizando a técnica: escrevi mais páginas da tese do que jamais tinha escrito! Ao deixar de lado o que não era importante, fui direto para o que realmente valia a pena fazer.

Este é apenas um exemplo pessoal, mas também é válido para tudo quanto é tipo de atividade.

Organização do dia pelo mais importante

Como sabemos, quando temos um prazo geralmente viramos mestres na capacidade de concluir e finalizar. Se eu tenho um trabalho a ser feito até dezembro eu provavelmente vou começar a fazer outras coisas, já que o prazo é grande. Se o mesmo trabalho tivesse que ser entregue na semana que vem, não teria escolha e teria que começar. Mas se o trabalho tivesse que ser concluído ainda hoje, eu também conseguiria (claro que depende do tamanho do trabalho). Mas o que quero dizer é que o prazo é um elemento que se for bem utilizado nos ajuda muitíssimo a fazer mais.

Digamos que você trabalhe em um ambiente que tem um computador e conexão com internet. Qual é a primeira coisa que você faz ao começar o seu dia de trabalho? Abre o email e o facebook?

A não ser que você trabalhe com facebook diretamente, abrir o facebook só vai tomar o seu tempo com o que não é importante. Emails também podem ser uma desculpa para simplesmente ficar horas e horas com atividades inúteis assim como ligações desnecessárias e pausas para um cafezinho.

Comece diferente, comece pelo mais importante, pelo que não pode ser adiado (estabeleça prazos menores). Tente diminuir o tempo de trabalho de 8 horas para 2 horas. O que você pode fazer em 2 horas de importante? Se tivesse apenas 2 horas para trabalhar, o que você faria?

Uma dica que estou utilizando e também vem dando certo é marcar em um relógio o tempo de cada atividade. É surpreendente como em 1 hora podemos fazer muita coisa, desde que nós tenhamos foco. Agora, se você começa o trabalho e a cada dois minutos interrompe para ler um email, vai dar o final da tarde e você não terá feito nada. Quanto mais foco, mais capacidade de realização.

Se você trabalha para uma empresa, se você não é o seu próprio chefe, pode ser que enrolar seja uma forma de mostrar que você é um funcionário competente. Mas se você fizer mais em menos tempo, poderá negociar alternativas ou até ser promovido. Evidentemente, cada caso é um caso, mas em todos os casos é razoável pensar que quando começamos pelo mais importante, concluíamos as tarefas antes do prazo, e fazemos mais do que é esperado de nós, teremos mais sucesso no longo prazo não é mesmo?

Psicólogo Clínico e Online (CRP 06/145929), formado há 14 anos, Mestre (UFSJ) e Doutor (UFJF), Instrutor de Mindfulness, Coach e Presidente do Instituto Felipe de Souza. Como Professor no site Psicologia MSN venho ministrando dezenas de Cursos de Psicologia, através de textos e Vídeos em HD. Faça como centenas de alunos e aprenda psicologia através de Cursos em Vídeo e Ebooks! Loja de Vídeos e Ebooks. Você pode também agendar uma Sessão Online via Skype, Problemas de Relacionamentos ou Orientação Profissional e Coaching de Carreira , fazer o Programa de 8 Semanas de Mindfulness Online. E não se esqueça de se inscrever em nosso Canal no Youtube! e Instagram! Email - [email protected] - Agendar - Whatsapp (11) 9 8415-6913