“Sem reflexão, seguimos ser ver o nosso caminho, criando mais consequências indesejáveis e falhando em conseguir qualquer coisa útil” (Margaret J. Wheatley)

Olá amigos!

Um das funções mais incríveis da mente humana é a sua capacidade de antecipar o futuro. Todos nós temos essa capacidade, embora nem sempre ela seja utilizada em todo o seu pleno potencial. Às vezes, a antecipação do futuro é tão somente uma preocupação ou ansiedade desnecessária. Às vezes se trata de um pessimismo a partir de uma generalização equivocada, como alguém que pensa: “se daquela vez deu errado, não dará certo na próxima”.

Digo que a antecipação do futuro nem sempre é utilizada em seu pleno potencial porque podemos utilizá-la a nosso favor, de uma maneira simples e prática.

Quem estudou linguagem da programação conhece o comando em .php chamado de if (traduzido como “se”). Se esta condição se apresentar, então (then) ocorrerá isso. Por exemplo, ao entrar em um site, o site é programado para verificar se o usuário está logado. Se o usuário não está logado, então exigir o login.

Quem já teve algum contato com plantio, seja em fazendas ou em casa plantando flores em vasos menores, também, obviamente, sabe da regra que diz: “se você plantar batata, então, colherá batata”.

Em termos básicos, estamos juntando e relacionando  dois itens. Com um detalhe: um item vem antes do outro e o segundo acontece somente em decorrência do primeiro. Não colheremos batata se não tivermos plantado batatas. Assim como o site não pedirá para fazermos login, se já estivermos logados.

Criando o futuro: se isto…então aquilo

Tudo isso é excessivamente óbvio e todos nós sabemos. A diferença, conforme mencionei no início, é que podemos utilizar de uma maneira mais atenta e acurada este princípio. Pensemos em algumas áreas de nossas vidas:

  1. Família
  2. Estudo
  3. Profissão
  4. Espiritualidade
  5. Relacionamentos
  6. etc.

Vamos pegar uma única área como relacionamentos e nos aprofundarmos nela. Digamos, vamos analisar a nossa vida amorosa. Se continuarmos fazendo o que estamos fazendo o que acontecerá?

Se você está em um relacionamento… se você continuar fazendo o que está fazendo, o que pode esperar?

Se você está quase em um relacionamento… o que você quer e o que você deve fazer para ter o resultado esperado?

Se você não está em um relacionamento… talvez você queira mudar ou talvez não queira. De toda forma, analise o que tem feito nessa área.

Lembre-se da fórmula: se isto… então aquilo.

Se uma pessoa quer ter um relacionamento, dificilmente conseguirá encontrar alguém se não procurar encontrar novas pessoas, certo? Se procurar encontrar outras pessoas, indo a novos lugares, frequentando grupos diferentes ou mesmo online, os resultados poderão ser outros.

Assim como quem está em constante briga em seu relacionamento não pode esperar que, se as coisas continuarem como estão (se as brigas não cessarem), o relacionamento não será agradável e poderá até terminar.

De igual modo se pensarmos na área profissional. Se um funcionário falta ao trabalho frequentemente, chega atrasado, não faz o que tem que fazer, não é preciso ser um gênio da lâmpada para perceber que, mais cedo ou mais tarde, será demitido.

Novamente, tudo o que foi dito parece óbvio. Mas, geralmente, é óbvio para os outros e nem tanto para nós mesmos. Procure, portanto, avaliar a sua vida, o que você tem feito e o que você tem deixado de fazer.

Um exemplo de não avaliar as consequências

Na faculdade de psicologia, aprendi com a psicologia comportamental que as pessoas só bebem excessivamente porque a ressaca demora a chegar. Ninguém em sã consciência iria tomar um copo de alguma bebida se a consequência aversiva da ressaca fosse imediata.

Já imaginou? Tomar um copo de cerveja e ter todos os sintomas de uma ressaca de quarta-feira de carnaval?

Este exemplo nos alerta que em outro setores o que acontece, esquematicamente, é parecido. Se comer uma comida gordurosa fosse fatal, como é em grandes quantidades ao longo de anos, todos passariam a se alimentar com mais qualidade.

Porém, por estar distante no horizonte do tempo, as consequências do que fazemos hoje estão longe da nossa vista e é justamente sobre isso que temos que refletir.

Se continuarmos seguindo no caminho que estamos seguindo, com a família, com a profissão, com os estudos, com os relacionamentos, com nossa saúde… o que acontecerá daqui a 5, 10, 20, 30 anos?

Uma dúvida

Uma dúvida que pode surgir é quanto ao que não podemos prever ou controlar. É claro que não podemos controlar todos os fatores e, na vida real, existem muitos “se” (if). Às vezes as situações que não dependem de nós são favoráveis, às vezes são desfavoráveis.

Entretanto, é importantíssimo ter em mente que culpar os outros ou as circunstâncias pelo que não fizemos é uma auto-ilusão. Afinal, pensar “se não fosse isso, eu teria conseguido” é colocar-se na posição de vítima. A posição de super-homem, o outro extremo, geralmente é igualmente maléfica.

Melhor é considerar que temos uma margem para tentarmos fazer o melhor que pudermos. E pensar que, se fizermos o nosso melhor, teremos o melhor dos resultados que pudemos produzir.

Conclusão

Sempre lembro da frase: “Daqui a um ano, você gostaria de ter começado hoje”. E se você tivesse começado aquele projeto, aquela ideia, aquele novo hábito há um ano atrás? E se começar agora, agora-agora, como será daqui a 1 ano? E daqui a 10 anos?

Dúvidas, sugestões, comentários, por favor, escreva abaixo!

Psicólogo Clínico e Online (CRP 06/145929), formado há 14 anos, Mestre (UFSJ) e Doutor (UFJF), Instrutor de Mindfulness, Coach e Presidente do Instituto Felipe de Souza. Como Professor no site Psicologia MSN venho ministrando dezenas de Cursos de Psicologia, através de textos e Vídeos em HD. Faça como centenas de alunos e aprenda psicologia através de Cursos em Vídeo e Ebooks! Loja de Vídeos e Ebooks. Você pode também agendar uma Sessão Online via Skype, Terapia Cognitivo Comportamental, Problemas de Relacionamentos, Orientação Profissional e Coaching de Carreira , fazer o Programa de 8 Semanas de Mindfulness Online. E não se esqueça de se inscrever em nosso Canal no Youtube! e Instagram! Email - [email protected] - Agendar - Whatsapp (11) 9 8415-6913