Olá amigos!

A primeira vez que vi e ouvi falar que deveríamos em situações de crise retirar o s e criar ($) creio que foi em um dos livros do Lair Ribeiro. Através da imagem abaixo, fica mais fácil de visualizar.

Também já ouvi dizer que, em chinês, há uma só palavra para crise e para oportunidade. Ou seja, 危机 significa tanto um momento de crise como um momento crítico de oportunidade de mudança.

crise crie

Crise dinheiro $

Como gosto muito de estudar economia – talvez este seja o meu próximo curso – eu comecei a ver claramente que existe uma diferença muito grande entre a mentalidade (mindset) de quem quer prosperar, de quem quer ganhar mais e de quem não se preocupa com isso ou quer apenas estabilidade ou tem medo de crescer.

Saiba mais sobre os 2 principais tipos de Mindset

Existem muitas e muitas pessoas que guardam o seu dinheiro em poupança ou até embaixo do colchão, enquanto outras aprendem sobre como investir e ganham centenas de vezes mais (no longo prazo). Em momentos de crise como os de agora (na verdade, desde que sou criança dizem que o Brasil e o mundo está em crise), há uma grande diferença entre quem visualiza o cenário como um cenário de crise e um cenário de oportunidade.

Quem vê na crise uma oportunidade começa a perceber que existem possibilidade de comprar ações, terrenos, casas, negócios a um preço baixo. Afinal, com os juros em alta e o mercado turbulento, a tendência é que os preços caiam, porém, no longo prazo a tendência é que subam novamente.

Bem, como não sou um super especialista em finanças (ainda), o que eu gostaria de compartilhar com vocês hoje é menos este aspecto financeiro e mais o lado psicológico do horizonte de perspectiva.

Crenças em momentos de crise

Pensando não só no aspecto financeiro de uma crise, se visualizarmos o aspecto emocional de uma situação de crise na vida, veremos que uma crise pode realmente ser uma excelente oportunidade para mudar.

Talvez não vamos conseguir ver de imediato. Talvez só com o passar dos meses ou até anos, veremos que foi a ascensão de uma crise pessoal o fator fundamental para uma mudança positiva no longo prazo. Pode ser o término de um relacionamento, a perda de um emprego ou ter quebrado uma perna.

Claro que isto pode ser visto como a Síndrome de Pollyana (a garota da literatura mais otimista do mundo). Porém, é um fato facilmente comprovável.

Vejo com frequência pessoas que tem famílias ricas se acomodaram em uma situação e protelar a adolescência por décadas. Com a morte de um dos pais ou com uma grande perda financeira, a pessoa então começa a se mover. Uma crise pessoal e/ou financeira, então, acaba sendo o ponto de ruptura. A crise gerando de verdade uma oportunidade de crescimento.

No Livro Vermelho de Jung, um livro que deve ser considerado uma espécie de autoanálise em formato de romance com personagens fantásticos do inconsciente, o autor encontra em certo momento os mortos que vem de Jerusalém e não encontram descanso. Embora a princípio muito do conteúdo se assemelhe a uma loucura (Jung tem consciência disso), esse exemplo dos mortos é útil para mostrar que – no Livro – os mortos não tem descanso porque não realizaram o que tinham que realizar.

É um pouco estranho pensar nisso: “E se nós morrermos sem realizar o que temos que realizar? O que temos que realizar aqui? Será que estamos realizando?”

Bem, cada um deve dar a sua própria resposta, é claro. Mas o ponto central do argumento é que enquanto houver vida, ainda há vida para ser vivida. E uma crise é só um momento que será sucedido por outro. Por isso, apesar das críticas de linguistas de que a palavra chinesa é polissêmica, os chineses devem pensar em crise e oportunidade ao mesmo tempo.

Porque no fundo o movimento de destruição faz parte do movimento de criação. Destruens et construens. Destrua e construa. Acabar com certas coisas em nossas vidas pode ser terrível na hora, contudo, depois, o vazio dá lugar a uma nova construção.

Conclusão

Sei que para quem está vivendo na própria pele uma crise profunda (seja em qual área for) pode ser difícil criar o distanciamento necessário para avaliá-la como uma mudança positiva. Por isso a psicoterapia ajuda tanto o paciente a encontrar um novo significado em suas experiências, pois uma psicoterapia verdadeira – seja de qual abordagem for – vai propiciar ao sujeito a força de enfrentar a vida, esta sucessão de cenas sem fim que oscilam entre o prazer e a dor.

Portanto, o objetivo da psicoterapia não é nunca levar a um estado de felicidade estático, mas sim propiciar um novo modo de olhar as coisas. Deixar de querer que as coisas sejam só agradáveis e positivas. Saber lidar com frustrações e dificuldades. Saber ressignificar, ou seja, mudar os significados…

Veja mais aqui – 20 formas de mudar um significado

E uma das formas é entender a impermanência. Uma oportunidade pode gerar uma crise. Um crise gera uma oportunidade.

E você? Como tem lidado com as crises em sua vida?

Psicólogo Clínico e Online (CRP 06/145929), formado há 14 anos, Mestre (UFSJ) e Doutor (UFJF), Instrutor de Mindfulness, Coach e Presidente do Instituto Felipe de Souza. Como Professor no site Psicologia MSN venho ministrando dezenas de Cursos de Psicologia, através de textos e Vídeos em HD. Faça como centenas de alunos e aprenda psicologia através de Cursos em Vídeo e Ebooks! Loja de Vídeos e Ebooks. Você pode também agendar uma Sessão Online via Skype, Terapia Cognitivo Comportamental, Problemas de Relacionamentos, Orientação Profissional e Coaching de Carreira , fazer o Programa de 8 Semanas de Mindfulness Online. E não se esqueça de se inscrever em nosso Canal no Youtube! e Instagram! Email - [email protected] - Agendar - Whatsapp (11) 9 8415-6913