Já imaginou conseguir ler muito mais rápido do que você consegue atualmente? Isso é possível! Conheça 3 dicas para ler muito mais rápido e aprender mais.

Olá amigos!

Um querido leitor do site, o Luís, me pediu que escrevesse sobre leitura dinâmica. Para quem nunca ouviu falar deste termo, leitura dinâmica corresponde a uma área de estudos práticos voltados para ler com mais rapidez e, ao mesmo tempo, assimilando mais o conteúdo lido.

Antes de começarmos, gostaria de dar uma dica simples que possui relação com o objetivo de ler mais, mais rápido e com mais qualidade. E é simples: temos que saber selecionar o que vamos ler. Dependendo do seu momento de vida, ler certo tipo de conteúdos (como os desastres dos jornais, revistas com pouca credibilidade) não vão te acrescentar nada.

Assim como acontece frequentemente com a TV, temos que avaliar se o tempo que estamos ali está valendo a pena. Em outras palavras, não adianta você aprender as técnicas de leitura dinâmica deste texto se for para você ler algo totalmente inútil quando não totalmente desprezível…

Dito isto. Vamos começar!

Conheça também – 100 Técnicas de Estudo

Leitura Dinâmica – Introdução

A maior parte de nós aprendeu a ler silabicamente. Talvez você não se lembre mas quando era criança, você tinha aulas nas quais as palavras eram ou monossilábicas (como lua e sol) ou separadas por sílabas:

Ca – sa

Bo – la

Sa – la

Deste modo, é bem provável que você – como eu – tenha aprendido desta forma. Até aí tudo bem, já que se você está lendo este texto é sinal de que a sua alfabetização foi eficiente. Entretanto, o que o resquício da nossa alfabetização faz não é tão produtivo para a velocidade da leitura. Por dois motivos principais:

1) Você associa a imagem da palavra com o som da palavra.

2) Você acaba lendo sempre silabicamente, sílaba por sílaba, enquanto poderia ler palavra por palavra e até frase por frase.

Mas vamos por partes.

O primeiro ponto é bastante interessante: talvez você também não se lembre de que quando você era criança você sempre que lia, tendia a ler em voz alta. Eu me lembro porque como gostava de ler, muitas vezes as pessoas diziam para mim: “Ótimo que você está lendo! Mas leia em voz baixa”.

Ou seja, eu acabava lendo sempre falando. Ler estava totalmente associado ao som. Com isso, eu tive que aprender a não falar o que lia, enquanto lia. Aprendi a apenas pensar (falar em voz baixa) o que estava lendo.

Este processo do exterior para o interior também traz uma consequência não muito positiva para a leitura dinâmica porque, a não ser que você seja um locutor de futebol em uma rádio, é provável que você não fala ou pense com tanta velocidade. Deste modo, o seu tempo de leitura vai estar totalmente vinculado com o seu tempo de fala e pensamento. Ler mais rápido significaria apenas falar mais rápido (em voz alta ou voz baixa). E, mesmo que você acelere muito, ainda terá um limite que será destruído se você conseguir desvincular totalmente o som da imagem da palavra.

O segundo ponto também é bastante importante para os nossos propósitos porque o nosso campo de visão é muito maior do que uma única sílaba em uma palavra. Quer dizer, você pode ler de uma só vez as palavras das linhas a seguir (independe do tamanho):

céu

árvore

pensamento

independentemente

inconstitucionalissimamente

Entendem o que eu quero dizer?

Na nossa forma de aprendizagem aprendemos a ler por sílabas. Assim, conseguimos ler céu de uma só vez. Mas temos que dividir as outras palavras: ár-vo-re. Depois: pen-sa-men-to. Depois: in-de-pen-den-te-men-te. E, por fim: in-cons-ti-tu-ci-o-na-lis-si-ma-men-te.

Agora, é óbvio que se conseguirmos ler de uma só vez todas estas palavras, vamos ler muito mais rápido, certo?

Dica 1: Pare de vocalizar as palavras escritas

Como mencionei acima, pela nossa história de alfabetização e escolarização, nós aprendemos a ler vinculando o som da palavra com a imagem da palavra. Imagem aqui não se refere ao que a palavra significa, mas à sua escrita.

Por exemplo,

Casa – quando você lê casa aqui você fala também casa.

Mas se você ler CASA você está olhando para uma outra imagem, entretanto, ainda está falando casa.

Portanto, a dica número 1 para ler mais rápido é parar de ouvir o som das palavras. Parar de falar as palavras enquanto você as lê. Isto demanda tempo e um pouco de repetição mas é totalmente possível.

Por exemplo, a imagem Casa ou CASA ou CaSa é apenas uma imagem que está sendo apresentada ao seu campo visual. Você não anda por sua casa, vendo os objetos e nomeando cada um deles não é mesmo? Você não levanta da cadeira, olha para o chão e pensa chão. Depois olha para porta e pensa porta. Depois olha para o corredor e pensa “corredor”…

O mesmo pode acontecer com as palavras escritas. Elas podem – com treino e prática – se transformarem em objetos que não tem som.

Portanto, pare de ouvir o som das palavras enquanto estiver lendo. Se notar que está ouvindo o som das palavras, force-se a parar e pare sempre que notar que o padrão está se repetindo.

Dica 2: Expanda o seu campo de visão

Se você lê silabicamente, procure ler palavra por palavra. Se você já consegue ler palavra por palavra, treine ler grupos de palavras. Isto não só fará com que você consiga parar de ouvir o som das palavras com o tempo como vai aumentar em muito o seu tempo de leitura. Afinal, se você estava lendo pequenos trechos por vez, agora está lendo grandes trechos de uma única olhada.

Você pode treinar esta técnica se afastando do texto um pouco mais. Também é útil fazer uma medida expandida com os dedos (indicador e polegar) para aumentar o campo de visão. Veja na imagem abaixo:

IMG_1319

Marcamos então um trecho do livro com os dedos polegar e indicador e vamos tentar ler de uma só vez este trecho: “O caminho , ou seja lá o que for sobre o qual caminhamos”…

No começo, pode ser difícil ler um trecho assim, que pode parecer muito grande. Mas a dica é pegar um tamanho que seja possível de ler de uma só vez e, gradualmente, ir aumentando a distância entre os dedos.

Dica 3: Pare com a leitura repetitiva

Uma grande parte do tempo que passamos lendo, curiosamente, é gasto voltando-se nas frases e palavras anteriores. Nossa tendência (um pouco dispersa por sinal) é ir lendo, ir lendo, mas de tempos em tempos voltar os olhos para ver se lemos mesmo, seja como hábito, seja como erro, seja como falta de atenção. Enfim, o motivo para este movimento na direção contrária é prejudicial para a velocidade da leitura. Seria como se déssemos dois passos para frente e um para trás.

De forma que se pararmos de fazer isso (o que pode representar uma boa parte do tempo que você passa lendo) vamos aumentar a nossa rapidez.

E a dica para fazer isso é bem simples. Use um papel, cartolina, rascunho, o que for que tampe a visão do texto que você já leu. Isto fará com que você pare, na marra, de voltar os olhos para o que já passou…

FullSizeRender

Na foto acima, mostro como utilizar um objeto para tapar a visão das linhas que já foram lidas. Como não tem jeito de voltar para as linhas superiores, começamos a treinar a não voltar atrás. Obviamente, à medida que nossa leitura for descendo a página, vamos trazendo o objeto para tapar as linhas lidas.

Conclusão

Eu comecei dizendo que era importante também selecionar o material que vamos ler. Como isto nem sempre é possível (na escola e na faculdade temos que ler algumas coisas sem poder dizer não), existe uma outra dica que pode acelerar e muito a leitura e a compreensão do texto. Isto é válido tanto para livros inteiros como para artigos menores (como este texto).

Treine dar uma olhada geral no material. Veja a estrutura. Em um livro, você pode começar pelo índice e ver o que cada capítulo trata. Em um texto menor, você pode olhar os sub-títulos.

Leia a introdução rapidamente e também a conclusão rapidamente. Assim você terá uma visão geral do que é o assunto. Os melhores autores tendem a apresentar um resumo compreensivo do conteúdo no começo e no fim do trabalho. E teremos um entendimento dos objetivos, dos argumentos centrais, das conclusões e do que ficou faltando.

Certamente, apenas com estas 3 dicas do texto, você conseguirá ler muito mais rápido. Estudos apontam que tais práticas podem aumentar em até 300% a sua velocidade de leitura. Agora é por em prática!

Também gostaria de salientar que existem cursos completos sobre leitura dinâmica.

Recomendo o seguinte: Curso de Memorização e Leitura Dinâmica

Dúvidas, sugestões, comentários, por favor, escreva abaixo!

Psicólogo Clínico e Online (CRP 06/145929), formado há 14 anos, Mestre (UFSJ) e Doutor (UFJF), Instrutor de Mindfulness, Coach e Presidente do Instituto Felipe de Souza. Como Professor no site Psicologia MSN venho ministrando dezenas de Cursos de Psicologia, através de textos e Vídeos em HD. Faça como centenas de alunos e aprenda psicologia através de Cursos em Vídeo e Ebooks! Loja de Vídeos e Ebooks. Você pode também agendar uma Sessão Online via Skype, Terapia Cognitivo Comportamental, Problemas de Relacionamentos, Orientação Profissional e Coaching de Carreira , fazer o Programa de 8 Semanas de Mindfulness Online. E não se esqueça de se inscrever em nosso Canal no Youtube! e Instagram! Email - [email protected] - Agendar - Whatsapp (11) 9 8415-6913