O DSM-5 já lista em seu longo levantamento de transtornos mentais o que chama de Transtorno do Jogo pela Internet. Saiba mais sobre o que é, os critérios diagnósticos, prevalência, fatores de risco e consequências.

Importante notar que este Transtorno está na seção do DSM-5 está na seção de condições que exigem estudos posteriores, ou seja, instiga-se que pesquisadores venham a estudar com mais profundidade sobre o tema (para quem não sabe, o DSM é o Manual Diagnóstico e Estatístico utilizado por médicos, psiquiatras e psicólogos).

Então, veremos o que já foi definido pelos especialistas que foram “informados por revisão de literatura, reanálise de dados e resultados dos ensaios de campo, quando disponíveis – e se propõe a oferecer uma linguagem comum para pesquisadores e clínicos interessados em estudar tais transtornos” (DSM-5, p. 783).

Veja também – Curso em vídeo sobre o DSM-5

Transtorno do Jogo pela Internet (critérios propostos)

Uso persistente e recorrente da internet para envolver-se em jogos, frequentemente com outros jogadores, levando a prejuízo clinicamente significativo ou sofrimento conforme indicado por cinco (ou mais) dos seguintes sintomas em um período de 12 meses:

1) Preocupação com jogos pela internet. (O indivíduo pensa na partida anterior do jogo ou antecipa a próxima partida; o jogo pela internet torna-se a atividade dominante na vida diária).

Nota: Este transtorno é distinto dos jogos de azar pela internet, que estão inclusos no transtorno de jogo.

2) Sintomas de abstinência quando os jogos pela internet são retirados. (Esses sintomas são tipicamente descritos como irritabilidade, ansiedade ou tristeza, mas não há sinais físicos de abstinência farmacológica).

3) Tolerância – a necessidade de passar quantidades crescentes de tempo envolvidos nos jogos pela internet.

4) Tentativas fracassadas de controlar a participação nos jogos pela internet.

5) Perda de interesse por passatempos e divertimentos anteriores em consequência dos, e com a exceção dos, jogos pela internet.

6) Uso excessivo continuado de jogos pela internet apesar do conhecimento dos problemas psicossociais.

7) Enganou membros da família, terapeutas ou outros em relação à quantidade de jogo pela internet.

8) Uso de jogos pela internet para evitar ou aliviar o humor negativo (p. ex, sentimentos de desamparo, culpa, ansiedade)

9) Colocou em risco ou perdeu um relacionamento, emprego ou oportunidade educacional ou de carreira significativa devido à participação em jogos pela internet.

Nota: Somente os jogos pela internet que não são de azar estão inclusos neste transtorno. O uso da internet para atividades requeridas em um negócio ou profissão não está incluso; nem é pretendido que o transtorno inclua outro uso recreacional ou social da internet. Igualmente, os sites adultos estão excluídos.

Especificar a gravidade atual:

O transtorno do jogo pela internet pode ser leve, moderado ou grave, dependendo do grau de perturbação das atividades normais. Os indivíduos com transtorno do jogo pela internet menos grave podem exibir menos sintomas e menor perturbação em suas vidas. Aqueles com a forma grave do transtorno terão mais horas passadas no computador e perda mais grave de relacionamentos ou oportunidades na carreira ou escola. (DSM-5, p. 796).

Prevalência

A prevalência do transtorno do jogo pela internet não está clara, devido aos variados questionários, critérios e limiares empregados, mas parece ser mais alta em países asiáticos e em adolescentes do sexo masculino entre 12 e 20 anos.

Fatores de risco

Ambientais: a disponibilidade do computador com conexão à internet permite o acesso aos tipos de jogos com os quais o transtorno do jogo pela internet está mais frequentemente associado.

Genéticos e ambientais: Adolescentes do sexo masculino parecem ter maior risco de desenvolvimento do transtorno do jogo pela internet, e tem sido especulado que a origem ambiental e/ou genética asiática é outro fator de risco, mas isso ainda não está claro.

Consequências do transtorno

O transtorno do jogo pela internet pode levar a fracasso escolar, perda de emprego ou fracasso conjugal. O comportamento do jogo compulsivo tende a desestimular atividades sociais, escolares e familiares normais. Estudantes podem apresentar declínio nas notas e, por fim, fracasso na escola. As responsabilidades familiares podem ser negligenciadas.

Diagnóstico diferencial

O uso excessivo da internet que não envolve os jogos on-line (p. ex, uso excessivo das mídias sociais, como o Facebook; assistir a sites adultos) não é considerado análogo ao transtorno do jogo pela internet, e pesquisas futuras sobre os demais usos excessivos da internet precisariam seguir diretrizes similares, conforme aqui sugerido. Os jogos de azar excessivos on-line podem se qualificar para um diagnóstico separado de transtorno de jogo. (DSM-5, p. 797-798)

Conclusão

Conforme vimos no início, o Transtorno do Jogo pela internet ainda está em estudo. O objetivo da descrição acima é criar um conceito de Transtorno que seja padrão para que tais estudos de campo e laboratorias avancem e cheguem a conclusões mais precisas.

Em certo sentido, é curioso que o uso excessivo da internet, por exemplo, para acessar as redes sociais exija a elaboração de um outro critério diagnóstico. Entretanto, me parece que a elaboração primeira do Transtorno do Jogo pela internet se deve a casos extremamente graves nos quais o adolescente morre depois de ficar 3, 4 dias sem dormir e comer, apenas jogando os jogos.

Evidente que tais casos são casos extremos, porém, nos países asiáticos, mas também nos EUA, Europa e no Brasil, encontramos casos de pessoas que poderiam se beneficiar com uma maior clareza do conceito e, especialmente, de um tratamento eficaz para o que podemos chamar de dependência.

Psicólogo Clínico e Online (CRP 06/145929), Mestre (UFSJ), Doutor (UFJF), Instrutor de Mindfulness e Pós-Doutorando (Unifesp), Coach e Presidente do Instituto Felipe de Souza. Como Professor no site Psicologia MSN venho ministrando dezenas de Cursos de Psicologia, através de textos e Vídeos em HD. Faça como centenas de alunos e aprenda psicologia através de Cursos em Vídeo e Ebooks! Loja de Vídeos e Ebooks. Você pode também agendar uma sessão de Coaching Online via Skype, Relacionamentos ou Carreira (faculdade), fazer o Programa de 8 Semanas de Mindfulness Online e Orientação Profissional Online. E não se esqueça de se inscrever em nosso Canal no Youtube! Email - [email protected] - Agendar - Whatsapp (11) 9 8415-6913