Neste texto, vamos falar sobre uma pergunta essencial e que deve ser o começo de todo o nosso questionamento e busca sobre o que é a timidez e sobre o objetivo das milhares de pessoas que me perguntam na seção Pergunte ao Psicólogo: Como superar a timidez?

A pergunta, então, essencial é: a timidez é um tipo psicológico? A timidez é um tipo de personalidade?

Por trás desta pergunta há outra, na verdade: a pessoa tímida é sempre assim? Foi e será sempre tímida?

A resposta para todas estas perguntas é NÃO!

A timidez não é um tipo psicológico, não é um tipo de personalidade, a pessoa tímida não foi sempre tímida, não é sempre tímida e não será sempre tímida.

Importante esquecer destes palavrões, neste momento, palavrões como sempre e nunca (nunca se poderá mudar a situação da timidez).

Em outras palavras, a pessoa que considera-se tímida não é tímida sempre. Ela apresenta um comportamento – e um sentimento de timidez – em alguns momentos, em alguns contextos, para algumas pessoas.

E aqui temos que fazer uma distinção, marcar uma diferença entre dois conceitos: A diferença entre a timidez e a introversão.

O conceito de introversão foi criado pelo psicólogo suíço C. G. Jung, que estudo em meu Doutorado.

A psique, ou a nossa alma, tem desde a primeira infância duas atitudes possíveis. A alma pode se voltar mais para o mundo externo ou mais para o mundo interno. Com isto, dois tipos de atitude ou de personalidade são criados: o tipo introvertido e o tipo extrovertido.

Se uma pessoa é introvertida na maior parte do tempo, em outros momentos ela será extrovertida.

Se uma pessoa é extrovertida na maior parte do tempo, em outros momentos ela será introvertida.

A diferença entre a timidez e a introversão é que a introversão é uma atitude psíquica que volta, que verte (versão), a psique para si mesma. Ao invés da consciência olhar para fora, para o meio ambiente e para as outras pessoas, a psique prefere conhecer a si mesma, conhecer o seu próprio mundo de experiências internas.

A introversão é frequentemente confundida com a timidez, pelo fato de que em ambas não há extroversão. Porém, as duas não são a mesma coisa.

Uma pessoa extrovertida se volta, frequentemente, para as coisas coisas do mundo, para as coisas externas. Mas, mesmo sendo desta forma, uma pessoa extrovertida pode ser tímida.

Ou seja, uma pessoa que é aberta para o contato e para a comunicação com a maior parte das pessoas, pode, em certos momentos, ser tímida.

O que quero deixar claro aqui é que a timidez não é algo imutável e não é um tipo de personalidade como a introversão e a extroversão.

Se, repito, uma pessoa muito extrovertida pode ter momentos de timidez, uma pessoa introvertida também.

Então, qual é a diferença entre a timidez e a introversão?

A diferença é muito simples. E para sabermos a diferença temos que, finalmente, definir a timidez:

A palavra timidez surge da palavra latina timeō, um verbo que significava medo. Existe uma palavra grega, que é também frequentemente relacionada – θυμός (thumos), que significava coração, desejo, alma, vida.

θυμός, Thumus, em grego, também dá origem à timo, uma glândula situada próxima do coração e que é muito importante para o sistema imunológico, para defesa do organismo.

A origem, portanto, da palavra timidez seria dupla. O medo e a glândula timo.

Em outras palavras, timidez seria medo.

Por outro, ela poderia ter uma origem associada a um glândula, localizada próxima ao coração, e que é muito interessante…pois ela diminui de tamanho e vai perdendo a sua função depois da infância…

Mas a definição de timidez deve ser a seguinte:

A pessoa apresenta timidez sempre com relação à outras pessoas. Claro! Ninguém é tímido em seu próprio quarto.

A timidez é:

– um sentimento de incomodo ou desconforto perto de uma ou mais pessoas;

– a dificuldade de falar ou mesmo o silêncio perto de uma ou mais pessoas;

– a dificuldade de olhar nos olhos das pessoas que estão ao redor (no mesmo ambiente);

Fiz questão de descrever a questão do olhar, pois acontece de as pessoas serem chamadas de tímidas apenas por olharem mais para baixo do que nos olhos das pessoas com quem conversam.

Continuaremos a falar sobre a timidez em outros textos. Aguardem.

Psicólogo Clínico e Online (CRP 06/145929), Mestre (UFSJ), Doutor (UFJF), Instrutor de Mindfulness e Pós-Doutorando (Unifesp), Coach e Presidente do Instituto Felipe de Souza. Como Professor no site Psicologia MSN venho ministrando dezenas de Cursos de Psicologia, através de textos e Vídeos em HD. Faça como centenas de alunos e aprenda psicologia através de Cursos em Vídeo e Ebooks! Loja de Vídeos e Ebooks. Você pode também agendar uma sessão de Coaching Online via Skype, Relacionamentos ou Carreira (faculdade), fazer o Programa de 8 Semanas de Mindfulness Online e Orientação Profissional Online. E não se esqueça de se inscrever em nosso Canal no Youtube! Email - [email protected] - Agendar - Whatsapp (11) 9 8415-6913