Tenho recebido muitos emails de pessoas interessadas em saber como é o Mercado de Trabalho em Psicologia: quais são as oportunidades disponíveis, lugares em que se pode trabalhar, faixa salarial, além de informações sobre como funciona a faculdade, ou seja, tempo de duração, se é difícil ou fácil, entre outras questões.

Neste texto, portanto, vou procurar responder à estas perguntas, levando em conta a minha experiência, a experiência de meus colegas e informações gerais sobre a área de atuação no Brasil.

Bem, podemos começar com a pergunta se a faculdade de psicologia é fácil ou difícil. A dificuldade de uma faculdade, em minha opinião, está diretamente relacionada ao interesse do estudante. Se há um forte e real interesse em cursar aquela faculdade, o estudo necessariamente já se torna mais fácil, por ser mais prazeroso e instigante.

A faculdade de Psicologia é um curso que dura de 4 a 5 anos, dependendo do currículo de cada Universidade. Na época em que fiz minha graduação, o curso durava 10 períodos. Eu me formei em 9 períodos (4 anos e meio) pois sempre cursei mais disciplinas do que o mínimo exigido.

Veja também – Porque fazer a faculdade de psicologia?

Grade Curricular Faculdade de Psicologia

A grade curricular é muita vasta, indo de conhecimentos ligados à biologia e medicina (como anatomia, neuroanatomia, fisiologia, farmacologia), passando por introdução à filosofia, sociologia e antropologia até matérias ligadas à estatística e métodos de pesquisa quantitativa e experiências em laboratórios.

Especificamente sobre psicologia, estuda-se disciplinas ligadas à psicologia do desenvolvimento (infância, adolescência, idade adulta e velhice), teorias da personalidade, psicologia educacional e escolar, bem como disciplinas ligadas às diferentes abordagens da psicologia como a psicanálise, psicologia humanista, psicologia existencial, psicologia analítica, gestalt e psicologia comportamental ou behaviorismo. Dependendo do número de professores ligados à cada uma das abordagens, a Universidade será mais forte e mais direcionada para uma ou algumas daquelas abordagens.

Depois da introdução às abordagens, o estudante de psicologia cursa matérias ligadas à prática mais do que à teoria. Entram em cena então técnicas de entrevista, técnicas da psicologia clínica, seleção e recrutamento (para a psicologia do trabalho e psicologia organizacional), dinâmicas de grupo, e matérias ligadas ao diagnóstico e prognóstico das doenças mentais.

Já ao final da faculdade, há a exigência do cumprimento de horas de estágio. Em algumas Universidades é necessário realizar estágios em áreas diferentes como psicologia clínica, psicologia do trabalho, psicologia social ou comunitária ou na área em que o aluno desejar aprender. O aluno também pode desenvolver atividades de monitoria, assistência didática e pesquisas em nível de iniciação científica.

Depois de formado, o profissional poderá trabalhar, virtualmente, em qualquer lugar aonde haja um ser humano. Sim, pois se pensarmos na definição de que “a psicologia é a ciência que estuda os processos mentais, emocionais e o comportamento humano”, o psicólogo estará presente em todas as áreas de atividade humana.

Conheça também o Código de Ética – Psicologia

Para deixar mais claro: o profissional da psicologia é requisitado a trabalhar em escolas, hospitais, clínicas e consultórios, em empresas e organizações, na avaliação psicológica para tirar a CNH (Carteira Nacional de Habilitação), em ONGs, prefeituras, comunidades e grupos, em instituições ligadas ao esporte profissional (psicologia do esporte) e até em eventuais momentos de tragédias na chamada psicologia das emergências e desastres.

A área é muito ampla, como se pode ver nos exemplos acima. E quanto a faixa salarial? Quanto ganha um psicólogo?

Segundo o Sindicato dos Psicólogos do Estado de Minas Gerais, o cálculo que é feito para a contribuição ao Sindicato (que é espontânea e não obrigatória), de R$ 69,90 – sessenta e nove reais e noventa centavos – leva em conta a média salarial de um dia de trabalho. Ou seja, o Sindicato em pesquisa descobriu que, em média, o profissional da psicologia recebe R$69,90 por dia de trabalho.

Se fizermos a conta por 20 dias de trabalho, a média salarial é de R$ 1,398 (Mil trezentos e noventa e oito reais). Se fizermos a conta por 30 dias, a média salarial é de R$ 2,097 (Dois mil e noventa e sete reais).

O Sindicato mantém práticas de mobilização para a criação de um piso salarial nacional. O que foi estabelecido, em termos de reivindicação, é o piso de 4 salários mínimos para uma jornada de 20h semanais e 6 salários mínimos para uma jornada de 30h semanais.

Mas tais valores são valores de uma média salarial. Como toda média, existem pessoas que ganham mais e menos do que a média. Por exemplo, já vi Concursos Públicos para Prefeituras oferecendo o salário entre R$600 a R$ 800 por 20 horas semanais (4 horas por dia ou meio período). Ou seja, abaixo da média esperada pelo Sindicato.

Porém é mais comum, atualmente, em Concursos Públicos o seguinte:

  • Para 20 horas semanais – Faixa de R$1,200 a R$ 1,400
  • Para 40 horas semanais – Faixa de R$2,000 a R$ 3,000

Pensando agora nos profissionais que ganham acima da média. Conheço profissionais da área de psicologia do trabalho que ganham entre R$6,000 a R$10,000. E, eventualmente, quando gerentes até mais: R$ 15,000.

Conheço também profissionais da psicologia clínica que cobram R$300 por consulta de uma hora. E tendo o consultório cheio ganham ainda mais do que R$15,000.

Outra área que é bem remunerada é a área Acadêmica. Muitos Professores Doutores ganham entre R$ 6,000 a R$10,000 – seja em Universidades Públicas ou Particulares.

Para fazermos uma ideia clara de como é a faixa salarial do Profissional da Psicologia, também é interessante conhecer a tabela de honorários fornecida pelo Conselho Federal de Psicologia. Veja ao final deste texto a tabela que foi elaborada no ano de 2007 (portanto, um pouco desatualizada).

Enfim, a faixa salarial varia de acordo com uma série de fatores como localização geográfica (em alguns Estados o salário é maior e, em geral, em cidades maiores ganha-se mais), oportunidades disponíveis, tempo de formação, experiência, contatos com outros profissionais, etc.

Veja também os comentários abaixo da tabela, nos quais eu respondo às dúvidas de vários leitores!

Diagnóstico Psicológico Limite Inferior Média Limite
Superior
Consulta Psicológica
Consulta psicológica para esclarecimento e compreensão das condições do paciente, é realizada pelo psicólogo para identificação de distúrbios emocionais, problemas de conduta, disfunção psicomotora, entre outros.
81,62 122,00 139,93
Anamnese
Um conjunto de informações obtidas pelo psicólogo junto ao paciente e/ou familiares para o levantamento do histórico de vida, de maneira a possibilitar uma conclusão acerca do seu estado psicológico.
81,62 118,19 139,93
Elaboração de perfil profissiográfico
Elaboração de perfil profissiográfico, ocupacional, de posto de trabalho, a partir de descrição e sistematização dos comportamentos para o desempenho de cargos e funções.
69,97 120,51 163,28
Avaliação de desempenho escolar e aprendizagem
Análise da relação professor-aluno, em situações escolares específicas, para obter esclarecimento sobre as dificuldades do aluno quanto ao seu desenvolvimento escolar posterior  e eventual encaminhamento aos  serviços de atendimento psicológico/escolar.
69,97 120,28 139,93
Avaliação Psicológica
Avaliação psicológica das condições intelectuais e emocionais de crianças, adolescente e adultos, destinada a subsidiar processos jurídicos e outros que exigem a atuação do psicólogo como perito, tal como ocorre,  por exemplo, no caso de contestação de testamentos, aceitação em lares adotivos, decisão judicial para guarda de filhos, decisão sobre pátrio poder.
93,29 116,61 152,75
Avaliação das características psicológicas esportivas
Exame psicológico e conclusões sobre os aspectos psicológicos que favorecem ou comprometem  a realização pessoal e o desempenho em atividades esportivas.
81,62 122,84 151,59
Avaliação de prontidão para alfabetização 81,62 121,94 151,59
Avaliação de nível intelectual
Análise da capacidade do indivíduo para o uso das funções intelectuais. Em geral, avalia-se a inteligência quanto à compreensão, análise-síntese, raciocínio, julgamento, atenção-concentração e memória utilizando-se de testes de inteligência e raciocínio, simples e complexos.
69,97 123,98 139,93
Avaliação Psicomotora
Conjunto de procedimentos (que incluem ou não testes) utilizado para avaliar o desenvolvimento psicomotor da criança, incluindo organização e integração motora, orientação temporal, orientação espacial, esquema corporal, entre outros.
69,97 121,66 139,93
Avaliação Psicomotora Relacionada ao Grafismo
Uso de instrumentos psicológicos para indicar o nível de desenvolvimento perceptivo-motor do indivíduo, possibilitando maior esclarecimento do diagnóstico diferencial dos distúrbios de origem emocional e/ou neurológica.
69,97 120,44 139,93
Avaliação das características da personalidade
Uso de instrumentos psicológicos para avaliação de traços e características de personalidade do indivíduo quanto ao aspecto afetivo-emocional. Em geral é realizada com o uso de testes, principalmente os projetivos.
69,97 131,57 144,59
Avaliação da estrutura e dinâmica da personalidade
Avaliação da personalidade sem o uso de testes Com o uso de outros instrumentos que não os testes psicológicos, para analisar os aspectos cognitivos ou intelectuais, aspectos afetivo-emocionais ou inconscientes, bem como identificar a interferência desses aspectos no equilibrio psíquico do indivíduo  e em sua produção intelectual.
81,62 136,54 153,92
Entrevista devolutiva
Para comunicar ao paciente e/ou familiares os resultados da avaliação psicológica e realizar encaminhamentos pertinentes.
81,62 117,58 139,93
Observação de campo com visita escolar e domiciliar
Observação de campo c/visita escolar/domiciliar ou a outras instituições que atendem o paciente, envolvendo a locomoção do profissional para a realização de atividades técnicas, objetivando complementar o diagnóstico psicológico.
86,28 116,61 139,93
Atuação junto à comunidade
Atuação junto à comunidade em equipe multiprofissional, promovendo estudos que avaliem as características pricossociais de grupos e efetuando diagnósticos em programas comunitários, no âmbito da saúde, lazer, educação, trabalho e segurança.
40,82 97,35 139,93
Realização de exames psicológicos (psicotécnicos)
Para motoristas
Realização de exames psicológicos (psicotecnicos) de aptidão profissional em candidatos à habilitação para dirigir veículos automotores
51,32 95,71 139,93
Realização de avaliação psicológica para concessão de registro e/ou porte de arma de fogo 151,37 252,28 353,19
Orientação Psicopedagógica Limite Inferior Média Limite
Superior
Realização de pesquisas
Realização de Pesquisas relacionadas à compreensão do processo ensino-aprendizagem e ao conhecimento das características psicossociais da clientela, com a finalidade de fundamentar e criar condições adequadas, que favoreçam o desenvolvimento dos alunos.
69,97 104,96 139,93
Planejamento psicopedagógico
Planejamento Psicopedagógico relacionado ao currículo e às políticas educacionais; atividades realizadas geralmente em equipe, destinadas a promover os processos de desenvolvimento intelectual, da personalidade, a aprendizagem do aluno e as relações interpessoais.
46,64 127,18 139,93
Orientação psicopedagógica
Orientação Psicopedagógica de crianças, adolescentes, pais, familiares e professores quanto ao desenvolvimento escolar do aluno. Pode implicar sugestões de mudanças das condições que o aluno esteja submetido.
69,97 106,42 128,25
Preparação para aposentadoria
Procedimentos psicológicos destinados a acompanhar e preparar o empregado para a aposentadoria.
93,29 139,93 209,90
Solução de Problemas Psicológicos Limite Inferior Média Limite
Superior
Psicomotricidade individual
Aplicação de técnicas psicológicas e exercícios visando à reeducação dos aspectos psicomotores do indivíduo.
69,97 100,88 116,61
Psicomotricidade em grupo
Atendimento análogo ao anterior, sendo realizado com pequenos grupos.
58,31 87,32 116,61
Problemas de aprendizagem individual
Atendimento de crianças e adolescentes com dificuldades de aprendizagem e/ou problemas específicos (deficiência mental, visual, física ou de comunicação).
69,97 99,60 116,61
Problemas de aprendizagem em grupo
Atendimento análogo ao anterior, sendo realizado em pequenos grupos.
68,79 92,65 116,61
Psicoterapia individual
Atendimento psicoterapêutico que visa ao tratamento dos distúrbios psicológicos, emocionais, intelectuais, funcionais, evolutivos, entre outros.
81,62 118,18 139,93
Psicoterapia em casal
Atendimento psicoterapêutico para a análise dos conflitos emergentes e latentes do casal, favorecendo seu ajustamento como par em seu convívio social.
93,29 127,29 186,58
Psicoterapia familiar
Atendimento semelhante ao anterior, mas que focalizando todos os elementos de uma família, possibilitando maior amplitude do atendimento.
93,29 149,03 186,58
Psicoterapia em grupo
Atendimento psicoterapêutico de grupos de pacientes, focalizando mais especificamente a dinâmica do grupo e aspectos de cada participante, favorecendo a solução das dificuldades de relacionamento interpessoal e a inserção social do indivíduo.
67,64 108,45 139,93
Ludoterapia individual
Atendimento psicológico realizado em crianças e pre-adolescentes, com o objetivos análogos à psicoterapia, na medida que pretende promover mudanças básicas no equilíbrio psíquico do paciente.
69,97 105,91 139,93
Ludoterapia em grupo
Atendimento psicoterapêutico análogo ao anterior, focalizando mais especificamente a dinâmica de grupo, as relações interpessoais entre os participantes e os aspectos individuais que entram nessas relações.
64,15 100,55 128,25
Terapia psicomotora individual
Atendimento psicoterapêutico realizado em crianças e adolescentes, que visa à integração físico-psiquica, entendendo que as possibilidades funcionais motoras podem trazer prejuízos emocionais – perturbações psíquicas que podem encontrar manifestações atraves de distúrbios motores.
69,97 99,54 117,76
Terapia psicomotora em grupo
Atendimento análogo ao anterior, que atende a pequenos grupos de participantes.
58,31 87,61 116,61
Orientação e Seleção Profissional Limite Inferior Média Limite
Superior
Orientação Vocacional
Inclui a aplicação de testes vocacionais, para obter uma avaliação global dos aspectos intelectuais, emocionais, psicomotores, aptidões e interesses, e posterior orientação. Em geral, são realizadas oito a doze sessões para entrevistas, aplicações de testes e orientação.
81,62 116,61 163,28
Recrutamento e seleção de pessoal
Utilização de métodos e técnicas de avaliação psicológica com o objetivo de identificar candidatos mais adequados ao desempenho das funções e cargos.
62,97 116,61 163,28
Elaboração de instrumentos psicológicos
Elaboração de instrumentos psicológicos para avaliação de pessoal (promoções, movimentação de pessoal, planos de carreira, remuneração, programas de treinamento e desenvolvimento, entre outros) visando subsidiar decisões administrativas.
58,31 137,67 186,58
Desenvolvimento de projetos relativos ao trabalho
Desenvolvimento de projetos relativos ao trabalho, quanto à organização e definição de papéis ocupacionais (produtividade, incentivo, remuneração, rotatividade, absenteísmo e evasão).
48,97 165,14 204,09
Identificação de necessidades humanas
Identificação de necessidades humanas para fins de melhoria das condições adequadas de trabalho e equipamentos (Ergonomia).
46,64 142,15 165,59
Participação em programas Educacionais, culturais, recretativos
Participaçào em programas educacioanis, culturais, recreativos e de higiene mental, com vistas a assegurar a preservação da saúde mental e da qualidade da vida do trabalhador.
46,64 134,48 186,58
Orientação e acompanhamento
Orientação e acompanhamento de candidatos à habilitação para dirigir veículos automotores, bem como de motoristas já habilitados e considerados infratores. Em geral, realizados em grupo.
64,15 115,58 152,75
Orientação e encaminhamento de empregados 46,64 111,82 142,27
Avaliação de programa de treinamento
Análise de conteúdos programáticos, em equipe multiprofissional, visando a melhoria das condições de trabalho e a otimização do aprendizado do trabalhador.
69,97 162,08 193,57
Orientação e Treinamento/ Desenvolvimento
Atividade em que o psicólogo atua como facilitar de grupos voltados para aprendizagem e o aperfeiçoamento das pessoas.
58,31 166,97 186,58
Desligamento de empregados
Entrevista avaliativa para confirmar ou finalizar a demissão de empregados.
58,31 110,41 151,59
Preparação para aposentadoria
Procedimentos psicológicos destinados a acompanhar e preparar o empregado para a aposentadoria.
93,29 139,93 209,90
Acompanhamento e Orientação Psicológica Limite Inferior Média Limite
Superior
Acompanhamento psicológico da gravidez, parto e puerpério
Acompanhamento psicológico da gravidez, parto e puerpério. Atendimento aos casais ou gestantes, visando  facilitar o processo de busca de resposta dessa fase de vida.
93,29 126,99 151,59
Acompanhamento psicológico em grupo da gravidez
Acompanhamento psicológico da gravidez em grupo: objetivo análogo ao anterior, realizado em pequenos grupos de casais e gestantes.
69,97 121,47 134,10
Acompanhamento psicoterapêutico
Acompanhamento psicoterapêutico no domicílio ou no hospital, em decorrência da condição física ou mental do paciente.
104,96 167,65 198,26
Acompanhamento psicológico de deficientes
Um conjunto de procedimentos que visa à melhoria do indivíduo ou a sua adequada inserção social.
69,97 100,73 116,61
Acompanhamento psicológico de idosos
(gerontopsicologia)
Através de programas específicos, destinados a promover o equilíbrio psíquico dessa fase da vida.
81,62 115,44 139,93
Acompanhamento e reabilitação profissional
Aplicação de tecnicas para avaliar as condições psicológicas do trabalhador, da sua adaptação às atividades laborais e as condições de trabalho que condicionaram aquelas.
46,64 116,61 163,28
Assessoria em Psicologia Limite Inferior Média Limite
Superior
Consultoria empresarial
Atividade em que o psicólogo atua como facilitador de processos de grupo e de intervenção psicosocial nos diferentes níveis hierárquicos das estruturas formais
110,76 228,52 256,57
Realização de pesquisa
Atividade realizada pelo psicólogo para o levantamento do perfil psicológico, rotatividade, doenças ocupacionais, clima organizacional, entre outras
69,97 116,61 186,58
Movimentação de pessoal
Avaliação de desempenho dos grupos de trabalho, utilizando-se da análise do contexto atual, dos antecedentes e das perspectivas em seus aspectos psicológicos e motivacionais, para subsidiar o planejamento global da empresa.
99,12 183,23 233,24
Supervisão de atividades psicológicas
Utilização de conhecimentos teóricos / práticos pelo psicólogo para orientar profissionais, grupos de profissionais ou equipes multiprofissionais
97,96 153,05 186,58
Assessorias a instituições escolares
Atividades destinadas à identificação de problemas intra-escolares (direção, professores, alunos e quadro técnico-operacional) e à elaboração de propostas que visam a reordernamento institucional
69,97 134,13 171,43

Fonte – CFP/CRPs/FENAPSI
Atualizados pelo INPC até agosto de 2007

Psicólogo Clínico e Online (CRP 04/25443), Mestre (UFSJ), Doutor (UFJF), Instrutor de Mindfulness (Unifesp), Coach e Presidente do Instituto Felipe de Souza. Como Professor no site Psicologia MSN venho ministrando dezenas de Cursos de Psicologia, através de textos e Vídeos em HD. Faça como centenas de alunos e aprenda psicologia através de Vídeos e Ebooks! Loja de Vídeos e Ebooks. Você pode também agendar uma sessão de Coaching Online via Skype, Relacionamentos ou Carreira (faculdade). E não se esqueça de se inscrever em nosso Canal no Youtube! Email - [email protected] - (12) 3042-0336 - Whatsapp (35) 99167-3191 - Snapchat: psicologiamsn