Ontem escrevi um texto sobre problemas do tipo gravidade, aqueles que não podemos fazer nada para mudar. Hoje gostaria de trazer para vocês os 3 tipos de problemas (ou assuntos) descritos por esta incrível autora chamada Byron Katie no livro Ame a realidade.

Existem problemas que cabem à mim (1), problemas que cabem ao outro (2) e problemas que cabem à realidade (3). Você pode imaginar 3 círculos separados, e cada problema totalmente separado dos demais.

A ideia da separação dos problemas é fundamental para que possamos viver com mais qualidade de vida. Então vamos lá:

Problemas que cabem à realidade

Problemas ou assuntos da realidade são aqueles que não cabem à mim nem à uma outra pessoa. Por exemplo, na minha cidade natal, a cada duas décadas, em média, acontece uma enchente. A cheia excessiva do rio não é controlada por nenhum dos moradores da cidade. É algo natural, algo que acontece e sobre a qual ninguém tem controle ou influência.

Todos sabemos que vamos morrer, mas nenhum de nós sabe exatamente quando e se preocupar com a hora da morte é entrar em uma assunto que também cabe à realidade e não à mim.

Podemos pensar em vários exemplos como crises macroeconômicas, o surgimento de uma nova doença, se chove hoje ou não… tudo o que não está sob o meu controle ou sob o controle de alguém é um problema ou assunto da realidade.

Problemas que cabem ao outro

Este tipo de problema consiste em tudo aquilo que está na mão de uma outra pessoa (e não na minha). O comportamento de alguém que não eu, obviamente, não cabe à mim, certo? A responsabilidade de cada um é a responsabilidade de cada um.

Por exemplo, se um amigo se comporta mal e é processado, o processo chega no nome dele, não no meu nome. Da mesma forma que no campo jurídico, o que o outro faz é um assunto dele. Ainda que seja uma pessoa extremamente próxima a mim como pai, mãe, filhos, ainda assim o que uma outra pessoa faz é responsabilidade dele ou dela.

Se uma pessoa me trata mal, isso fala sobre a outra pessoa, não fala nada sobre mim. Afinal, a ação de tratar mal alguém foi feita pelo outro, não por mim.

Problemas que cabem à mim

O que cabe à mim, por sua vez, é tudo aquilo que não cabe à realidade e não cabe ao outro. O que está sob a minha responsabilidade? O que eu faço, o que eu posso fazer, o que eu digo, o que eu posso dizer.

O que eu penso? Bem, uma parte dos pensamentos estão sob o meu controle, mas também sabemos que uma parte dos nossos pensamentos surgem de forma automática. Portanto, estes que eu não controlo não estando sob o meu controle, são só pensamentos automáticos. A maneira como eu lido ou interpreto os pensamentos automáticos, entretanto, está sob o meu controle.

Por exemplo, se eu acordo e penso “que dia horrível” eu estou pensando um pensamento automático. Se eu concordo com este pensamento automático, eu sofro, mas se eu consigo ver que esse é só um pensamento, então tudo bem. A maneira como eu recebo o pensamento cabe à mim.

Por que saber sobre os 3 tipos de assuntos é importante?

Byron Katie as vezes fala de problemas ou assuntos ou questões. O importante é conseguir entender que não existe interseção entre os 3. São realmente 3 círculos separados.

Isso é extremamente importante para a saúde mental porque se conseguirmos ver isso de verdade,  no dia a dia, vamos parar de querer controlar o que não cabe à mim. É extremamente frustrante ficar tentando controlar na minha cabeça o que a outra pessoa deve fazer. Além de ser inútil, além de me fazer perder um precioso tempo com algo que eu não tenho nenhuma influência real.

Nas palavras da Byron:

“Se você está vivendo sua vida e eu estou mentalmente também vivendo sua vida, quem está aqui vivendo a minha? Estamos ambos lá longe. Estar mentalmente em seus assuntos evita que eu esteja presente nos meus próprios. Fico separada de mim mesma, perguntando-me por que minha vida não dá certo”. Citação do livro Ame a realidade

Se eu fico controlando o que outra pessoa deve dizer, por exemplo, não importa se for meu pai, minha filha ou o presidente, eu esqueço que eu só controlo o que a minha boca diz. Posso ficar a vida inteira reclamando sobre o que fulano disse. E isso não vai mudar a verdade de que a outra pessoa disse ou o que ela vai dizer no futuro não cabe à mim.

Claro que se alguém faz uma ofensa X que me prejudica diretamente, eu posso entrar na justiça por danos morais, por exemplo. O importante aqui é perceber que entrar na justiça cabe à mim. A fala do outro cabe ao outro.

“Na próxima vez que estiver se sentindo estressado(a) ou desconfortável, pergunte a si mesmo(a) em que assuntos você está mentalmente, e é possível que dê uma boa risada. A pergunta pode trazer você de volta para si mesmo(a)”. Citação do livro Ame a realidade

Eu gosto de perguntar para mim mesmo:

“Esse é um problema de quem?”

Conclusão

Quando pensamos no tipo de assunto que cabe ao outro (especialmente se for alguém próximo, da família, namorado(a), esposa ou marido, etc) é fácil confundir o que cabe à mim e o que cabe ao outro.

O que cabe a uma mãe ou pai com relação aos filhos é inclusive procurar educar para que o ser ali cresça como uma pessoa saudável, ética, enfim, uma boa pessoa. Isso é o que cabe a um pai e uma mãe.

Entretanto, os pais que tem mais de um filho sabem que desde muito pequenos, as crianças reagem do seu jeito, a partir do seu temperamento. Isso é o que cabe a cada um dos filhos. E, à medida que eles crescem e ganham autonomia, fica cada vez mais evidente que o que cada filho faz como sua vida é o que cada filho faz, que é o que lhe cabe.

Dúvidas, sugestões, críticas, deixe um comentário.

Referências

Livro Ame a realidade – Byron Katie

Psicólogo Clínico e Online (CRP 06/145929), formado há 14 anos, Mestre (UFSJ) e Doutor (UFJF), Instrutor de Mindfulness, Coach e Presidente do Instituto Felipe de Souza. Como Professor no site Psicologia MSN venho ministrando dezenas de Cursos de Psicologia, através de textos e Vídeos em HD. Faça como centenas de alunos e aprenda psicologia através de Cursos em Vídeo e Ebooks! Loja de Vídeos e Ebooks. Você pode também agendar uma Sessão Online via Skype, Problemas de Relacionamentos ou Orientação Profissional e Coaching de Carreira , fazer o Programa de 8 Semanas de Mindfulness Online. E não se esqueça de se inscrever em nosso Canal no Youtube! e Instagram! Email - [email protected] - Agendar - Whatsapp (11) 9 8415-6913